SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE GOIÂNIA – SINDMETAL – GO

Menu

Líder do governo no Senado é preso pela Polícia Federal

Foi preso na manhã desta quarta-feira, 25 de novembro, o líder do governo no Senado, Delcídio do Amaral (PT-MS). De acordo com a polícia federal, o senador foi preso por atrapalhar as investigações da Operação Lava Jato, dificultando a delação premiada de Cerveró sobre uma suposta participação do senador em irregularidades na compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos.

Segundo investigadores, Delcídio chegou a oferecer fuga a Cerveró para que o ex-diretor não fizesse a delação premiada. Além dele, também foram presos o chefe de gabinete de Delcídio, Diogo Ferreira, e o banqueiro André Esteves, do banco BTG Pactual. Segundo a PF, a prisão de Esteves está ligada a inquéritos da Lava Jato que tramitam no Supremo Tribunal Federal (STF).

As prisões foram um pedido da Procuradoria-Geral da República e autorizadas pelo Supremo. No caso de Delcídio e de Ribeiro são preventivas, sem data determinada para a soltura, já as demais são temporárias. Não é a primeira vez que o líder do governo se envolve em escândalos. Em depoimento na delação da Lava Jato, o lobista Fernando Baiano disse que Delcídio recebeu US$ 1,5 milhão de dólares de propina pela compra da refinaria.

Fonte: Núcleo de Jornalismo e Assessoria de Imprensa

Deixe um comentário