SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE GOIÂNIA – SINDMETAL – GO

Menu

Metalúrgicos entram em greve nesta segunda-feira

Aprovada pela maioria dos metalúrgicos cerca de 1.400 trabalhadores iniciam paralisação

Criciúma – Aprovada pela maioria dos metalúrgicos em votação secreta na terceira Assembleia realizada dia17 de agosto, os cerca de 1.400 trabalhadores metalúrgicos da região iniciam paralisação. Eles rejeitaram a proposta do Sindicato Patronal ? Sindmaq de 7% de aumento geral para todos, sendo 4.9% de INPC e 2.1% de ganho real e R$ 340,00 de abono. Reivindicam 14, 9% entre inflação e ganho real.

“Estamos negociando desde maio e esse percentual foi o máximo oferecido pelos patrões. A categoria esta descontente e quer índice maior, acatamos a decisão dos trabalhadores”, disse Francisco Pedro dos Santos, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Criciúma e região (Sinmetal), A primeira empresa onde cruzaram os braços foi a Indústrial Conventos de Criciúma ainda no turnos das 22h de sexta-feira. Está previsto a adesão dos trabalhadores das demais empresas no primeiro turno, a partir das 5horas de segunda-feira. São seis as maiores metalúrgicas na região abrangendo Criciúma. Cocal do Sul e Araranguá.

Francisco afirma que os trabalhadores não abrem mão de um índice melhor, pois produziram e geraram lucros as empresas. A ultima greve do setor foi em 2010.

Fonte: Sul Notícias

Deixe um comentário