SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE GOIÂNIA – SINDMETAL – GO

Menu

Promessa de quem não tem representatividade dificilmente é cumprida

Mantendo a tradição de não cumprir o que promete, presidente e vice do Simelgo chegaram para a reunião desta sexta-feira, 18 de março, com as mãos e os bolsos vazios. A promessa era apresentar uma contraproposta definitiva para ser apresentada aos trabalhadores da categoria com o objetivo de fechar a convenção coletiva de 2016.


Empresários não cumpriram a promessa da última reunião

De acordo com os capitalistas, a reunião marcada com as empresas do segmento para definir a oferta patronal foi “cheia de ninguém”. Apenas oito empresas se fizeram presentes, o que inviabilizou a tomada de posição. Enquanto isso, mais de 20 mil pais de família ficaram a ver navios e com a certeza de que o aumento salarial da data base vai atrasar mais uma vez.


Presidente do SindMetal-GO Eugênio Francisco (à dir.) não quis delongar a reunião

O presidente do SindMetal-GO, Eugênio Francisco, não quis delongar a reunião. Ele criticou a falta de compromisso do patronato e enfatizou que nova reunião ficou agendada para o dia 28 de março. “Só convocaremos assembleia com os trabalhadores se o índice oferecido pelo Simelgo for acima da inflação. Se isso não acontecer, os empresários podem se preparar para atitudes mais severas de nossa parte”, diz Eugênio.

Deixe um comentário