PF apreende veículos de luxo nas casas de Collor e outros políticos

O número de políticos suspeitos de envolvimento com o esquema de corrupção na Petrobrás parece não ter fim. Na manhã desta terça-feira, 14 de julho, a Polícia Federal deflagrou a Operação Politeia, um desdobramento da Lava Jato. Foram executados 53 mandados de busca e apreensão nas casas de políticos conhecidos nacionalmente, como o senador e ex-presidente da república Fernando Collor (PTB-AL). Três veículos de luxo foram apreendidos na residência dele.

Os agentes da PF também foram às casas do senador Ciro Nogueira (PP-PI), do ex-ministro e ex-deputado Mário Negromonte (PP-BA), do deputado Eduardo da Fonte (PP-PE), do ex-ministro e senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE), do ex-deputado João Pizzolati (PP) e do advogado Thiago Cedraz, filho do presidente do Tribunal de Contas da União (TCU).

Segundo a Polícia Federal, o objetivo da operação é evitar que provas importantes sejam destruídas pelos investigados. Todos os mandados foram autorizados pelos ministros do Supremo Tribunal Federal.

Deixe um comentário