Justiça Federal anula eleições da OAB/GO

A juíza federal da 20ª Vara do Distrito Federal acatou o pedido da chapa de oposição, OAB Forte, liderada por Flávio Buonaduce, derrotada nas últimas eleições da Ordem dos Advogados do Brasil, Secção de Goiás, realizadas no mês de dezembro de 2015.

Em decisão liminar, a magistrada suspendeu o deferimento dos registros de candidaturas de Arcênio Pires da Silveira, Marisvaldo Cortez Amado e Thales José Jaime, integrantes da chapa OAB Que Queremos, liderada pelo atual presidente, Lúcio Flávio Siqueira de Paula, eleita com 56,57% dos votos. Da decisão cabe recurso.

A OAB Goiás, afirma em nota que mantém para a noite de hoje terça-feira, 26, a solenidade de diplomação das novas diretorias da Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Goiás (OAB-GO) da Caixa de Assistência dos Advogados de Goiás (Casag) e dos conselheiros seccionais eleitos para o triênio 2016/2018.

Deixe um comentário