General Motors de Gravataí coloca 1.500 metalúrgicos em férias coletivas

A diretoria da unidade da General Motors no Rio Grande do Sul anunciou férias coletivas para 1.500 empregados da montadora a partir desta terça-feira, 8 de setembro. A previsão é que eles retornem ao chão de fábrica no próximo dia 28. Esta é a segunda vez em 2015 que a fabricante decreta férias coletivas. No mês de junho, os trabalhos foram suspensos por duas semanas.
A GM prometeu que os trabalhadores serão remunerados durante esse tempo e alegou que a medida foi tomada para adequar o volume de demanda do mercado, que registra queda. Mas o Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí está preocupado. A entidade diz que a produção na unidade está atualmente em 55 veículos por hora e já é considerada reduzida. Além disso, a categoria teme demissões em massa.
O diretor do Sindicato dos Metalúrgicos da cidade, Valcir Ascari, explica que há um acordo para a manutenção do quadro de trabalhadores até o dia 31 de dezembro. A partir daí, segundo ele, empresários e metalúrgicos voltam a negociar.
Fonte: Núcleo de Jornalismo e Assessoria de Imprensa

Deixe um comentário