Estimativa de inflação em 2015 sobe para 9%

Após a 11ª semana seguida de alta na inflação, a estimativa do mercado para o índice deste ano já alcançou 9%. Segundo pesquisa divulgada pelo Banco Central na última semana, a previsão era de que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechasse o ano em 8,97%. A estimativa do mercado para o indicador em 2016 continua em 5,5%.

De acordo com o BC, a probabilidade de a inflação ficar acima do teto do sistema de metas no ano de 2015 é de aproximadamente 99%. Caso confirmada a previsão, o índice deste ano atingirá o maior patamar desde 2003, quando ficou em 9,3%. Para o governo, a expectativa é de que o indicador fique em 8,26%.

Segundo os economistas, a alta do dólar e dos preços de água, energia, combustíveis, entre tantos outros, pressionam os preços em 2015. Além disso, a inflação de serviços, impulsionada pelos ganhos reais de salários, segue elevada. As perspectivas para o crescimento da economia também ficaram piores. O PIB do país deve “encolher” 1,49% este ano. A estimativa anterior era de queda de 1,45%.

Veja também:

> Professores goianos criticam piso que será votado esta semana pela Assembleia

> Formação Sindical retorna valorizando experiências dos participantes

> Habeas corpus que tentava evitar a prisão de Lula é negado

Fonte: Núcleo de Jornalismo e Assessoria de Imprensa

Deixe um comentário