SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE GOIÂNIA – SINDMETAL – GO

Menu

Equipe do SindMetal-GO vai a Terminais e explica o perigo das Reformas do Governo

No início da tarde desta segunda-feira (24) o presidente do SindMetal-GO, Eugênio Francisco e parte da equipe do Sindicato estiveram nos terminais Praça A e Dergo convocando a população para a paralisação nacional do dia 28 de abril. Jornais e panfletos que explicam detalhadamente o que são as Reformas Trabalhista e Previdenciária foram distribuídos. As ações da entidade estão sendo realizadas há mais de dois meses e pretende alertar a população sobre os perigos das propostas do presidente Michel Temer.

Eugênio não só distribuiu panfletos e jornais, mas explicou o que prejudicará os trabalhadores caso as Reformas sejam aprovadas

O SindMetal-GO está entre as outras dezenas de sindicatos que, juntos, formam o “Fórum Sindical contra as Reformas Trabalhista e Previdenciária”. O movimento foi criado para fortalecer a classe trabalhadora e barrar a retirada de direitos. Eugênio afirmou que a paralisação do dia 28 de abril será fundmental para a decisão da aprovação ou não das Reformas. “Será nesse dia que mostraremos nossa força. Precisamos levar a mensagem ao Governo de que nada é mais forte que a união do povo”.

Equipe do SindMetal-GO não tem dado descanso para alertar a população sobre o perigo das Reformas Trabalhista e Previdenciária

A paralisação terá início às 8h, na Assembleia Legislativa de Goiás e deverá terminar na Praça do Bandeirante, no Centro de Goiânia. O movimento ocorrerá simultaneamente em todo o País e é liderado por entidades e centrais sindicais. Folhetos explicativos sobre as reformas, carro de som, banner e cartazes irão alertar a população sobre as propostas de mudanças.

O presidente do SindMetal-GO aproveitou a oportunidade para convocar os trabalhadores para a paralisação geral dia 28 de abril

Deixe um comentário