Cálculo da inflação pode ser prejudicado caso paralisação dos servidores do IBGE seja estendida

Servidores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) paralisaram as atividades nesta quarta-feira, 29 de julho, em sete Estados: Santa Catarina, Amazonas, Bahia, Sergipe, Pará e Rio de Janeiro, além do Distrito Federal. A paralisação deve durar até o fim do dia de hoje.

O protesto ocorre no mesmo dia em que o sindicato da categoria se reúne com representantes do Ministério do Planejamento, em Brasília. Os servidores reivindicam plano de carreira, o fim da compensação de trabalho e a readmissão de trabalhadores dispensados após a greve que durou 77 dias no ano de 2014.

Caso as negociações não avancem, a categoria pode deflagrar greve, afetando diretamente as pesquisas elaboradas pelo órgão. O IBGE é responsável, por exemplo, por medir a inflação no País.

Deixe um comentário