SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE GOIÂNIA – SINDMETAL – GO

Menu

Superar a crise deve ser um esforço coletivo

A incapacidade de continuar acumulando é a característica de uma crise no sistema econômico capitalista. É o que afirma Ireleno Porto Benevides, professor da Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade da Universidade Federal do Ceará.

“Essa incapacidade de acumular e continuar o processo de crescimento gera problemas como desemprego, redução do PIB (Produto Interno Bruto) e aumento da inflação. Esse desequilíbrio faz com que os agentes econômicos não tenham segurança do retorno de seus investimentos no mercado”, explica.

De acordo com o professor, o crescimento da economia do País durante uma crise não é possível, isso porque um momento crítico é marcado por desequilíbrios. “A superação da crise depende dos arranjos feitos para a retomada da estabilidade e da credibilidade, não só dos índices econômicos, mas também institucional”, diz.

“Dizer que uma crise faz crescer é um contrassenso. É o mesmo que afirmar que uma pessoa se tornou mais saudável porquê esteve internada num hospital. Crises são momentos inerentes do sistema, é um desafio que alguns superam, no caso da economia mundial, sempre houve superação, mas isso não exclui longos períodos de depressão”, afirma. Segundo Benevides, ultrapassar a crise depende de um esforço coletivo e de inovações do mercado, dos empregos e principalmente das tecnologias.

Fonte: O Povo

Deixe um comentário