Simples Nacional vai reduzir número de faixas de cobrança de impostos

As novas regras do projeto aprovado pelo Senado do Simples Nacional, ou Supersimples, reduz de 20 para seis o número de faixas de cobranças de imposto, mas aumenta algumas alíquotas de tributação.

Segundo informações do Extra, com a alteração, a receita bruta anual de micro e pequenas empresas vai subir de R$ 3,5 mi para R$ 4,8 mi.

“Empresas com faturamento mais alto, que hoje não entram no Supersimples, poderão aderir ao programa. Por isso, não haverá, necessariamente, aumento de impostos”, disse Juliana Lohmann, analista do Sebrae/RJ.

De acordo com a publicação, o projeto inclui novas modalidades no SuperSimples, como cervejarias e vinícolas, produtores de licores e destilarias, que produzam e vendam no atacado.

O Senado ainda votará alterações no texto, que vai para a Câmara dos Deputados.

Fonte: Notícias ao Minuto

Deixe um comentário