Saneago vai aplicar reajuste após redução no consumo de água

O estudo elaborado pela AGR para o primeiro processo de revisão tarifária realizado pela Saneago teve como base o desempenho nos últimos cinco anos e projetou os próximos dez anos, porque é o prazo médio de vencimento das concessões da Saneago. Porém lei federal de saneamento permite migrar do contrato de concessão para o que chamam de contrato de programa o que dará novo prazo, com tempo médio de 30 anos.

“Se alongar a concessão, os porcentuais das novas revisões diminuem”, explica o diretor de Gestão Corporativa, Robson Salazar. Ele afirma que reuniões com a Prefeitura de Goiânia já foram realizadas e o mesmo será feito com as maiores cidades do Estado. A condição básica para conseguir no futuro que a revisão não pese tanto no bolso do consumidor e possa até ser negativa é um plano de saneamento que deve ser elaborado pelos municípios.

Fonte: O Popular

Deixe um comentário