SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE GOIÂNIA – SINDMETAL – GO

Menu

Inflação do aluguel ganha força em junho, mostra FGV

A inflação calculada pelo Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) ganhou força em junho, segundo dados divulgados nesta segunda-feira (29) pela Fundação Getulio Vargas (FGV). O indicador, que é usado para calcular o reajuste da maioria dos contratos de aluguel residencial, ficou em 0,67%, ante 0,41% no mês anterior.

Em junho de 2014, a variação foi de -0,74%. A variação acumulada em 2015, até junho, é de 4,33%. Em 12 meses, o IGP-M registrou alta de 5,59%.

Os três componentes do IGP-M apresentaram as seguintes trajetórias, na passagem de maio para junho: Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA)- usado no cálculo do IGP-M e também chamado de inflação do atacado- passou de 0,30% para 0,41%; Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que é a inflação do varejo, de 0,68% para 0,83%; e Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), que mede os preços na construção e tem o menor peso no cálculo do IGP-M, de 0,45% para 1,87%.

No caso do IPC, a maior influência veio do comportamento dos preços relativos a despesas diversas (0,87% para 5,47%), com destaque para o item jogo lotérico, cuja taxa passou de 2,76% para 49,37%. No componente INCC, o custo da mão de obra registrou variação de 3,16%, ante 0,24% no mês anterior. No IPA, pesou mais o subgrupo alimentos in natura, cuja taxa de variação passou de -2,62% para 1,80%.

Fonte: G1

Deixe um comentário