IBGE: folha de pagamento da indústria cresce 0,7%

Em relação a abril de 2013, a folha de pagamento cresceu 0,9%, o quarto resultado positivo consecutivo.

O valor da folha de pagamento real dos trabalhadores da indústria, ajustado sazonalmente, cresceu 0,7% na passagem de março para abril, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nesta quarta-feira, 11. Houve influência positiva tanto da indústria de transformação (0,8%) quanto do setor extrativo (2,4%).

Em relação a abril de 2013, a folha de pagamento cresceu 0,9%, o quarto resultado positivo consecutivo. No acumulado do ano, o valor da folha avançou 1,8%, e, em 12 meses, subiu 1,2%.

Horas pagas

O número de horas pagas aos trabalhadores da indústria, já descontadas as influências sazonais, aumentou 0,1% na passagem de março para abril. Em relação a abril de 2013, o número de horas pagas recuou 3,1%, a décima primeira taxa negativa consecutiva neste tipo de comparação e a mais intensa desde outubro de 2009, quando caiu 5,3%. No acumulado do ano, as horas pagas tiveram redução de 2,5%, e, em 12 meses, a queda foi de 1,7%.

Fonte: O Popular

Deixe um comentário