Goianos financiam mais de 18 mil veículos em maio

O número de financiamentos em Goiás foi o maior registrado na região Centro-Oeste no mês de maio. No total, 18.981 veículos entre novos e usados foram financiados, um aumento de 4,4% na comparação com abril. Porém, com relação a maio do ano passado, houve um recuo de 4,8%. Os dados são do Cetip, que opera o maior banco de dados privados de informações sobre financiamentos de veículos do País, o Sistema Nacional de Gravames (SNG).

Do total de veículos, foram comercializados 10.631 automóveis de passeio, 3.659 comerciais leves, 3.465 motos, 1.087 caminhões e 108 ônibus. No acumulado do ano, Goiás financiou 91.914 unidades, entre automóveis leves, pesados e outros.

De acordo com o supervisor da área comercial da concessionária Cical, Murilo Martins de Oliveira, cerca de 75% dos carros vendidos na unidade são financiados.

Além disso, Murilo revela que houve queda nas vendas de maio em relação ao ano passado. Em 2013 foram comercializados 312 veículos entre novos e usados. Já este ano, 268 automóveis foram negociados.

Segundo o supervisor, um fato que “afugentou” o consumidor foi a retirada da redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) em 2014.

“Há um impacto muito grande do IPI nas vendas de automóveis no Brasil. No ano passado, quando se tinha a redução, nós vendemos muito. Hoje a procura é menor. Teve mês que chegamos a vender 400 veículos e alguns modelos até faltaram no estoque”, conta.

Murilo acredita que o consumidor está um pouco receoso este ano. “A economia não está boa e tem muitas incertezas. Nós estamos notando o consumidor um pouco inseguro. Poder de compra tem, o problema é querer investir”, ressalta.

Uma das estratégias para incentivar as compras, diz, é a taxa subsidiada ou taxa zero para veículos novos, além de descontos.

Fonte: O Hoje

Deixe um comentário