Expectativa de contratação no Brasil continua alta, diz Manpower

O estado com maior intenção de contratação é São Paulo

Pesquisa de Expectativa de Emprego divulgada pela Manpower nesta terça-feira (11) mostra que as empresas brasileiras,  mais uma vez, apresentaram uma das melhores intenções de contratação, entre os 42 países e regiões que participaram do estudo trimestral. O país ficou atrás apenas de Taiwan na expectativa de abertura de vagas para o próximo trimestre.

Mais de 850 gestores no Brasil participaram do estudo respondendo à pergunta: Qual sua expectativa para o volume de contratações de sua empresa para o 3º trimestre (de julho a setembro de 2013), em comparação com o trimestre atual? De acordo com os empregadores que participaram, 35% dos entrevistados esperam aumento no número de funcionários, 7% preveem uma diminuição e 57% acreditam manter suas equipes.

O índice da expectativa de emprego no Brasil para o 2º trimestre de 2013 é de +28%. No entanto, se comparado ao 2º trimestre de 2013 e ao 3º trimestre de 2012, houve uma pequena queda de 2% e 3%, respectivamente, na taxa de intenção de contratação.

Os setores com a melhor perspectiva de aumento de vagas no 3º trimestre são serviços (32%), comércio (31%) e finanças/seguros e mobiliário (31%). Os empregadores menos otimistas são da indústria e da agricultura, pesca e mineração, ambos com 22%, que, para a Manpower, é considerada uma boa taxa de intenção de contratação, indicando uma consistência nos setor para os próximos meses.

Na análise das regiões brasileiras, a pesquisa indicou que o estado de São Paulo, com índice de 32%, tem as mais altas expectativas de contratação do país, melhorando a perspectiva em 5% em relação ao 2º trimestre do ano. Já os empregadores dos estados do Rio de Janeiro, Paraná e Minas Gerais esperam 31%, 30% e 24%, respectivamente. Os da cidade de São Paulo apontaram um índice de 18%, revelando queda de 12% em relação ao trimestre anterior.

Apesar do declínio do índice da intenção de contratação, tanto em relação ao 2º trimestre de 2013, como quanto ao 3º trimestre de 2012, o Brasil é o país com maior perspectiva no continente. O otimismo brasileiro só é superado pelo de Taiwan, que teve índice de +35%. Mercados de trabalhos ativos também são esperados no Panamá (+24%), Peru (+24%) e Nova Zelândia (+22%). Enquanto isso, países como Itália, Espanha, Grécia Holanda e Bélgica, as oportunidades de trabalho serão mais escassas.

“O levantamento do terceiro trimestre reflete a contínua confiança dos empregadores brasileiros e as previsões indicam níveis de crescimento da massa salarial em todos os oito setores da indústria e de cada uma das cinco regiões diferentes. Ainda assim o otimismo das empresas é um pouco em função da persistente dificuldade em encontrar profissionais qualificados. O governo brasileiro anunciou recentemente que vai implementar medidas para atrair trabalhadores estrangeiros qualificados, a fim de ajudar as empresas que estão em busca de profissionais especializados “, afirma Riccardo Barberis, Country Manager da ManpowerGroup Brasil.

A pesquisa foi realizada com mais de 65 mil diretores de recursos humanos e altos executivos de organizações públicas e privadas em 42 países e regiões.

A próxima Pesquisa de Expectativa de Emprego do ManpowerGroup será lançada em 10 de setembro de 2013, apontando as intenções de contratação para o 4º trimestre de 2013.

Fonte: G1

Deixe um comentário