SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE GOIÂNIA – SINDMETAL – GO

Menu

Ex-funcionária da Odebrecht sobre propinas: ‘eram feitas abertamente’

Funcionária da Odebrecht entre 1979 e 1990, com atuação no departamento financeiro, Conceição Andrade afirma que, entre os documentos que levou para casa após sua demissão constava, por engano, uma lista com mais de 500 nomes de supostos beneficiários de propina, entre eles diversos políticos.

Em entrevista ao “Fantástico”, da Rede Globo, ela disse que o processo de pagamento de propinas era “algo feito abertamente, todo mundo sabia na empresa”. “As pessoas dentro do departamento financeiro sabiam e algumas pessoas também fora sabiam que a empresa sempre trabalhava com caixa dois.”

A lista em posse de Conceição, bem como outros documentos que estavam com ela, como bilhetes e anotações, foram encaminhados aos responsáveis pela Lava Jato.

O “Fantástico” ressalta porém que, caso a autencidade dos documentos seja comprovada e eles realmente indicarem a prática de atos ilícitos, ninguém poderá ser processado pelo fato de os crimes estarem prescritos por terem sido cometidos há mais de 30 anos. Desta forma, safariam-se ex-governadores, ex-prefeitos, senadores e deputados.

Fonte: Notícias ao Minuto

Deixe um comentário