Desemprego tem maior taxa desde criação do indicador

Dados divulgados pelo IBGE nesta terça-feira, 29 de setembro, mostram que a taxa de desemprego ficou em 8,6% nos três meses até julho. A taxa é a maior desde 2012, quando o indicador teve início. Três meses antes, o desemprego havia ficado em 8%. No mesmo período, em 2014, a taxa era de 6,9%.

De acordo com especialistas, o aumento foi significativo. O Instituto estimou em cerca de 8,6 milhões o número de pessoas desocupadas no trimestre encerrado em julho. Três meses antes eram 8 milhões, o que aponta para uma alta de 593 mil pessoas (ou 7,4%) nesse contingente.

Comparado aos meses de maio a julho de 2014, o número de desocupados cresceu em 1,8 milhão, estima o IBGE – uma alta de 26,6%, a maior variação nos últimos anos para esta comparação.

Fonte: Núcleo de Jornalismo e Assessoria de Imprensa

Deixe um comentário