Assis Melo homenageia metalúrgicos em data da categoria

Para marcar a passagem do Dia do Metalúrgico, comemorado na segunda-feira, dia 21 de abril, o deputado Assis Melo (PCdoB-RS), discursou no Plenário da Câmara, nesta quarta-feira (23), destacando o papel dos metalúrgicos na construção do país.

“Os metalúrgicos ajudam a impulsionar a roda da história para a construção desta grande nação e sinto um grande orgulho de fazer parte desta categoria, e aqui, nesta casa legislativa, poder falar para os demais parlamentares e para os trabalhadores do Brasil”, disse Assis Melo, que é metalúrgico e dirigente sindical.

“Nesse momento em que rendo homenagens aos trabalhadores metalúrgicos do Brasil inteiro, registro também os 50 anos passados do golpe militar de 1964 e reverencio a memória de tantos trabalhadores metalúrgicos que sofreram perseguições, torturas e assassinatos em defesa da restituição da normalidade democrática do nosso País”, afirmou.

O Dia do Metalúrgico, que coincide com a data de homenagem a figura de Tiradentes, o Alferes mineiro que lutou e morreu por ideais de independência, faz

alusão às ideias de liberdades, independência e democracia, que nortearam as lutas históricas e conquistas de melhorias na qualidade de vida de todos os trabalhadores brasileiros, avalia Assis Melo.

Ao lembrar a história da representação sindical dos metalúrgicos no Brasil, iniciada em 1917, com a criação do Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro, sendo seguido, em 1919, pelo Sindicato da Bahia, o parlamentar fez um registro especial ao Sindicato dos Metalúrgicos de Caxias do Sul, do Estado do Rio Grande do Sul, entidade da qual é presidente.

Ele destacou a história do Sindmetal, fundado em 6 de março de 1933, tendo como base de representação os municípios de Caxias do Sul, Antonio Prado, Carlos Barbosa, Garibaldi, Farroupilha, Flores da Cunha, São Marcos, Nova Pádua e Vale Real.

Contando com cerca de 33 mil trabalhadores na ativa, e tendo 50% destes trabalhadores filiados ao sindicato – nível superior à média nacional que é estimado em 18%, a entidade tem uma atuação ampla procurando fazer um sindicalismo voltado para as lutas específicas da categoria, mas também encaminhando bandeiras que dialogam com o desenvolvimento da região e envolvendo-se nas lutas do país.

Fonte: Vermelho

Deixe um comentário